Goianésia, GO
Boa tarde - sábado, 16 de fevereiro de 2019
 
 
Materno Infantil realiza retirada múltipla de órgãos e primeira captação de coração
Mais Goiás - 04/02/2019
 O Hospital Estadual Materno Infantil Dr. Jurandir do Nascimento (HMI) realiza na tarde deste domingo (3), uma retirada múltipla de órgãos de uma paciente. A meta é remover rins, córneas, coração e fígado, os quais poderão atender as necessidades de até seis pacientes que atualmente integram a fila de espera para transplantes. Isso é possível porque a família da mulher (24), que teve morte encefálica após ser vítima de uma eclâmpsia seis dias depois do parto, autorizou a doação de todos os órgãos. O bebê dela sobreviveu.

Esse tipo de procedimento não é novidade para o corpo médico do HMI. Porém, como o Goiás não tem credenciamento para realizar captação de coração, uma equipe da Força Aérea Brasileira (FAB) veio de São Paulo para auxiliar a remoção deste órgão, que será o primeiro a ser removido e transplantado ainda neste domingo.

A cirurgia teve início às 16h e se estenderá até a noite. A escolha dos pacientes que irão receber os órgãos foi realizada pela Central de Transplantes de Goiás por meio do Cadastro Nacional. De acordo com a Central, a captação deste domingo poderá retirar seis pessoas da fila de transplantes.

De acordo com a enfermeira Lívia Roberta Conceição, do HMI, o procedimento é complexo, mas benéfico. “Pela solidariedade [dos familiares da paciente], inicia-se uma operação complexa a fim de beneficiar pessoas que necessitam recuperar a saúde. Temos o apoio tanto da direção do Materno como da Central de Transplantes, da SES e da FAB nessa que é nossa segunda grande captação de órgãos” explica Lívia.

Doadora

De acordo com Lívia, a doadora chegou ao hospital na sexta-feira (1º), seis dias após o parto. Ela foi encaminhada para a unidade após sofrer complicações e necessitar de uma UTI Materna




Espalhe:

http://itaja105.com.br/n/19562




Leia também...

14/02/2019 STF retoma nesta quinta-feira julgamento sobre criminalização da homofobia
14/02/2019 Termina hoje prazo de inscrição para o Fies
14/02/2019 Investigações sobre caso Marielle completam 11 meses sem conclusão
14/02/2019 Bolsonaro diz que hoje “bate o martelo” sobre reforma da Previdência
13/02/2019 TF começa a julgar nesta quarta-feira ações que pedem criminalização da homofobia; entenda
12/02/2019 Corpo de Boechat deve ser cremado em cerimônia reservada à família
12/02/2019 Petrobras elevará em 1% preço médio da gasolina na terça-feira
12/02/2019 Em Goiás, 42 armas de fogo são apreendidas em 72 horas