Goianésia, GO
Bom dia - quarta, 20 de março de 2019
 
 
Idoso chora e confessa que matou a esposa a facadas após ‘surto de ciúmes’, em Goiânia
globo - 31/12/2018
 O aposentado Francisco Mariano Nascimento, de 70 anos, confessou, na manhã desta segunda-feira (31), que matou a facadas, a esposa, a também aposentada, Maria da Conceição Silva do Nascimento, 66, na casa onde moravam, em Goiânia. Durante sua apresentação à imprensa, na Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), o idoso disse arrependido e alegou que teve um “surto de ciúmes”.

“Foi um surto de ciúmes. Não sei, não dou conta, a cabeça não ajuda. Tinha uma pressão de ciúmes na minha cabeça achando que tinha traição. Mas só na minha cabeça. Se arrependimento matasse, eu também não estava mais vivo”, disse, chorando.

O crime ocorreu na manhã de domingo(30), na residência do casal, no Setor Real Conquista. Segundo a Policia Civil, logo após acordar, o idoso foi até a cozinha, pegou uma faca, voltou e deu quatro golpes no peito da esposa. Ela ainda teve lesões nos braços ao tentar se defender.

O delegado Hellyton Carvalho, responsável pelo caso, disse que Francisco contou a vizinhos o que havia feito e fugiu de carro, mas se entregou horas depois e foi detido em flagrante.

“Ele afirmou que na noite anterior,, a esposa tentou dar um remédio a ele, que não quis tomar achando que poderia ser algo para ele dormir e, assim, ela fosse sair para trai-lo. Ele contou que ficou com isso na cabeça, acordou no outro dia e cometeu o crime”, detalha.

Surpresa

 

O casal tinha 45 anos anos de relacionamento e quatro filhos. Apesar das alegações de ciúmes, testemunhas disseram à polícia que ela nunca tiveram qualquer tipo de problema mais grave. Por isso, o crime chocou ainda mais toda a família.

“Todos estão muito surpresos. De acordo com o relato de familiares, eles tinham uma convivência harmoniosa, nunca foi presenciada qualquer briga. Ele nunca teve atos de machismo, de ciúmes, nunca houver qualquer tipo de violência verbal ou física. Todos narraram que ele era um esposo, pai e avô exemplar”, pondera o delegado.

Diante desse contexto, o delegado falou que irá ouvir mais testemunhas e deve pedir o exame de sanidade mental do idoso. O inquérito deve ser concluído em dez dias.

Francisco deve passar por audiência de custódia ainda nesta segunda-feira. Ele foi autuado em flagrante por feminicídio e se condenado pode pegar até 30 anos de prisão.

 

Fuga

 

De acordo com o relato da Polícia Militar que consta no boletim de ocorrência, após cometer o crime, o idoso passou na casa de uma vizinha e afirmou que tinha matado a esposa. Em seguida, ainda conforme a narrativa, o homem entrou em seu carro e dirigiu até Senador Canedo, Região Metropolitana de Goiânia, para casa de parentes.

Ao chegar ao local, segue a ocorrência, um sobrinho o acompanhou até a Central de Flagrantes, onde ele se entregou à polícia e foi detido em flagrante.

A PM, ao ser acionada, esteve na residência do casal e encontrou a idosa morta. O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Goiânia.




Espalhe:

http://itaja105.com.br/n/19548




Leia também...

19/03/2019 Condutor embriagado provoca acidente e deixa seis pessoas gravemente feridas em São Luís do Norte
19/03/2019 Polícia apreende menor de idade que planejava atentado a escola, em Pontalina
19/03/2019 Ônibus tomba e deixa 27 pessoas feridas na BR-153, em Rialma
19/03/2019 Dona de casa relata que ficou cega de um olho após agressão do namorado com garrafa de vidro, em Anápolis
19/03/2019 Meteorologia prevê tempestades em Goiás para esta terça-feira
19/03/2019 Polícia apreende menor de idade que planejava atentado a escola, em Pontalina
19/03/2019 MP requisita agilidade nas investigações sobre acidente em parque de diversão de Ceres
18/03/2019 Mais um estudante de Suzano tem alta; quatro feridos estão internados